NUNCA DESÇA, SUBA!

Bpo. Ricardo Raymundo

 

 

“E, respondendo Jesus, disse:

DESCIA um homem de Jerusalém para Jericó,

e caiu nas mãos dos salteadores,

os quais o despojaram, e espancando-o,

se retiraram,

deixando-o meio morto.”.

(Lucas 10.30).

 

- Jesus ao nos ensinar a parábola do bom samaritano, faz questão de iniciar dizendo que certo homem DESCIA de Jerusalém para Jericó. 

- Jesus nesta parábola usou como pano de fundo, duas cidades bem conhecidas de seus discípulos: Jerusalém (cidade santa), e Jericó (cidade do pecado).

- Jesus ao mencionar Jerusalém e Jericó, estava nas entrelinhas fazendo uma comparação entre estar na presença de Deus e descer para as coisas do mundo.

- Jerusalém, a cidade santa, representa a presença de Deus, enquanto Jericó, a cidade do pecado, representa estar longe da presença de Deus.

- Se Jerusalém representa Deus, e Jericó representa o mundo, toda vez que nós saímos da presença de Deus em direção as coisas do mundo, nós literalmente descemos.

- Quando Jesus diz que este homem descia de Jerusalém na direção de Jericó, Ele estava dizendo que este homem estava saindo da presença de Deus, indo na direção do pecado.

- Muitas vezes em nossas vidas, também nos sentimos tentados a sair da presença de Deus.

- Quando as coisas não vão bem, ou simplesmente por curiosidade, vez em quando sentimos o desejo de sair da presença de Deus e for de vez pro “mundão”.

- Nesta passagem, Jesus nos adverte do perigo que é sair da presença de Deus; quando este homem saiu, foi assaltado, espancado e deixado como morto.

 

- Toda vez que nós descemos em direção do pecado, somos assaltados pelos demônios, que nos roubam nossa fé, nossa alegria, nossa paz, enfim, nos deixam como mortos também.

- No pecado podemos ser atacados por uma doença sexualmente transmissível, podemos ter uma overdose, perder o emprego, enfim, os prejuízos da Jericó são tão incalculáveis quanto imprevisíveis.

- Nunca desça para à Jericó amados, fique em Jerusalém, simbolicamente falando, é claro.


O SACERDOTE TAMBÉM DESCE:

 

“E, ocasionalmente

descia pelo mesmo caminho certo sacerdote;

e, vendo-o, passou de largo.”.

(Lucas 10.31).


- Não somos só nós amados, que somos tentados a sair da presença de Deus, e descer até a Jericó.

- O sacerdote também desceu em direção do pecado.

- O “chefão” do templo que hoje chamam de bispos, pastores, pregadores, os apóstolos e toda a turma também descem pro “mundão”.


- Existem muitos “servos de Deus”, que descem até Jericó em busca dos prazeres mundanos: Corrupção, pedofilia, avareza, ganância, luxúria etc.

- Homens que nos ensina somente nos curvar diante do Deus Todo Poderoso, curvam-se diante do deus Mamom (deus da ganância).

- E este citado por Jesus, ainda teve a chance de se redimir, pois viu um irmão meio morto no caminho, porém o desejo de ir para Jericó era tão grande que deixou ele caído o chão.

- Quantas vezes o sacerdote atual tem a chance de levantar o caído, mas, no entanto, a pressa para se reencontrar com “Jezabel” é tão irresistível que ele nem olha para trás.

- Assim somos nós, sacerdotes ou não, muitas vezes ensinamos aquilo que nem de longe, experimentamos viver.

- SENHOR tenha misericórdia de todos nós!


O LEVITA TAMBÉM DESCEU:

 

“E de igual modo também um levita,

chegando àquele lugar, e,

vendo-o, passou de largo.”.

(Lucas 10.32).


- Olha o Levita descendo pra Jericó também...

- O músico do templo, o cantor gospel que faz a adoração no templo também deu uma descidinha lá no ninho do capeta.

- Desceu ao nível das gravadoras gospel, do mercado gospel, do Oscar da música gospel...

 

(compre, compre, compre...).


- O Levita desceu para nível da competição, do disco de ouro ou de platina, igual como fazem lá na Jericó.

- E este aí, também teve a oportunidade de a se redimir, podia ter ajudado o irmão meio morto no caminho, mas estava com pressa, iria cantar no programa da televisão; ia “alcançar as multidões”.

- Não adiantam termos uma voz afinada, uma guitarra elétrica, mãos abençoadas para tocar um teclado, se temos no peito um coração corrompido.

- A fama, o fã clube, a idolatria, os autógrafos são mimos da cidade de Jericó.
 
 

- Os portões desta cidade são largos e espaçosos, mas a entrada da Nova Jerusalém é tão apertadinha que só passa de um em um, não passa a banda toda.


JONAS DESCEU:

 

“Porém, Jonas se levantou

para fugir da presença do SENHOR para Társis.

E DESCENDO a Jope, achou um navio que ia para Társis;

pagou, pois, a sua passagem,

e DESCEU para dentro dele,

para ir com eles para Társis,

para longe da presença do SENHOR.”.

(Jonas 01:03).


- Só num versículo o profeta Jonas consegue descer duas vezes.

- Jonas tinha um chamado de Deus para pregar na grande cidade de Nínive, no entanto a Escritura revela que ele DESCEU para Jope, e depois DESCEU novamente para dentro de um navio que ia para Társis.

- Todos têm um chamado de Deus para levar o evangelho a toda criatura, mas quantos de nós temos atendido a este chamado.

- Jonas saiu da presença de Deus quando desceu para Jope uma vez, e duas quando desceu para o interior de um navio.

OBS:
 Qual o navio que você tem descido para não fazer a vontade de Deus?

- Não contente em descer duas vezes, Jonas desce uma terceira vez:
 “Então temeram os marinheiros, e clamavam cada um ao seu deus, e lançaram ao mar as cargas, que estavam no navio, para o aliviarem do seu peso; Jonas, porém, DESCEU ao porão do navio, e, tendo-se deitado, dormia um profundo sono.”. (Jonas 1.5).

- Ao embarcar no navio, logo uma tempestade se inicia, e com o navio quase afundando, o nosso profeta em vez de fazer alguma coisa, desce ao porão do navio para dormir.

- Indiferente com o que podia acontecer com as demais vidas que estavam no navio, Jonas resolve dormir.

 

- Indiferentes com o que está acontecendo no mundo hoje, quantos de nós também estamos dormindo?

- Jonas desceu uma, duas, três e ainda desceu uma quarta vez:“Eu desci até aos fundamentos dos montes; a terra me encerrou para sempre com os seus ferrolhos; mas tu fizeste subir a minha vida da perdição, ó SENHOR meu Deus.”. (Jonas 2.6).

- Ao sair da presença de Deus, Jonas desceu, e ao descer conheceu o que espera todo aquele que sai da presença de Deus.

- Engolido vivo, dentro do estômago de um peixe, Jonas sentiu na pele o resultado de sair da presença de Deus...

- Todos nós, sem exceção, colheremos amanhã aquilo que semeamos hoje.

- Ser engolido vivo não parece ser uma colheita agradável, nem ser assaltado e espancado parece ser bom.

- Neste estudo de hoje, aprendemos que descer; sair do centro da vontade de Deus pode nos custar muito caro.

- Nossa recompensa não é neste mundo, nosso sábado é no SENHOR!

- Por mais difícil que pareça ser viver na Jerusalém, em Jericó é muito pior.

- No porão do navio só tem ratos e baratas.

- Na barriga do peixe só tem fezes e trevas.

- Você escolhe onde quer passar a eternidade, na barriga do peixe, ou ao lado do SENHOR!


CONCLUSÃO:
                                            “Mas um samaritano, que ia de viagem,

chegou ao pé dele e, vendo-o,

moveu-se de íntima compaixão;

E, aproximando-se, atou-lhe as feridas,

deitando-lhes azeite e vinho;

e, pondo-o sobre a sua cavalgadura,

levou-o para uma estalagem, e cuidou dele;

e, partindo no outro dia, tirou dois dinheiros,

e deu-os ao hospedeiro, e disse-lhe:

Cuida dele; e tudo o que de mais gastares

eu to pagarei quando voltar.”.

(Lucas 10.33,35).

- Se você desceu para Jericó, e no caminho foi assaltado, e hoje se encontra ferido meio morto, saiba que Jesus é o Bom Samaritano. 

- Ele DESCEU do céu para salvar aquele homem que estava caído meio morto a beira do caminho.

- Jesus não desceu para pecar na Jericó, Ele desceu para salvar os moradores e “simpatizantes” de Jericó.


- Ele pôs o azeite e o vinho sobre nossas falhas e nos deixou aos cuidados do hospedeiro, que hoje sabemos que é o ESPÍRITO SANTO.

- Hoje estamos aos cuidados do Espírito Santo até o dia da volta do Bom samaritano, pois Ele disse que voltaria para pagar alguma despesa a mais que porventura viéssemos a produzir.

- Jesus está voltando para buscar aquele que estava caído para viver com Ele na eternidade.


- Nunca desça, suba!

- Suba até a presença de Deus para poder subir com o SENHOR no dia do arrebatamento da igreja!

 

"A ÚNICA VERDADE QUE LIBERTA É A DE DEUS

AS OUTRAS APENAS MACHUCAM".

 

Paz


Sede: Elzira Vivacqua, 195 - Jardim Camburi - Cep 29090-350 - Vitória - ES - Brasil
Rádio Profetizando Vida © - www.profetizandovida.com

Desenvolvido e Hospedado por Poly Design - www.polyinformatica.com