VENCENDO AS LIMITAÇÕES

2 Samuel 5.1-5

Pr. Ricardo Raymundo



O êxito se encontra ao alcance de todos. Mas o sucesso individual sem a habilidade para liderar traz somente uma eficiência limitada levando você a alcançar apenas uma parte daquilo que você pode realmente ser se você quiser ser usado por Deus.

Saul e Davi foram os primeiros reis de Israel e a história desses dois homens nos mostra que eles trilharam caminhos semelhantes, porém com resultados completamente diferentes. Saul fracassou como rei enquanto Davi obteve sucesso.

A nossa reflexão de hoje é: Por que Saul falhou como rei e por que Davi foi bem sucedido? Por que existem discípulos que falham no seu relacionamento com Deus enquanto outros são bem sucedidos?

1 - SEMELHANÇA ENTRE SAUL E DAVI
1.1 - O profeta Samuel ungiu tanto Saul quanto Davi. Eles foram orientados como deveriam proceder como reis e ouviram qual era a vontade de Deus para as suas vidas;

1.2 - Os dois também enfrentaram grandes desafios – Saul e Davi se defrontaram com o gigante Golias. Saul, o maior guerreiro de Israel, escondeu-se de medo. Mas Davi, um simples jovem, enfrentou aquele gigante com coragem e determinação e foi honrado por Deus;

1.3 - Eles tiveram a oportunidade de mudar e crescer – Saul e Davi agiram de maneira completamente diferente quando foram confrontados com as suas limitações. Quando Samuel repreendeu Saul por ele ter oferecido sacrifícios ao Senhor de maneira irresponsável, ele não expressou nenhuma palavra que expressasse tristeza ou arrependimento, pelo contrário ele tentou justificar os seus erros... Saul se manteve no mesmo caminho...

Davi, porém, possuía um coração diferente. Quando o profeta Natã o confrontou com o seu pecado de adultério e assassinato, Davi se quebrantou diante do Senhor e arrependeu-se profundamente...

Por que reagimos de maneira tão diferente quando somos confrontados diante do Senhor? Por que ao invés de nos quebrantarmos e confessarmos os nossos pecados ficamos querendo justificar os nossos erros e pecados?

2- AS LIMITAÇÕES DE SAUL.
Saul tinha limitações em sua vida que não o deixaram avançar como líder e apesar de ter sido ungido rei de Israel ele não conseguiu vencer as suas limitações:

2.1 - MEDO: Quando foi procurado para ser aclamado rei Saul estava escondido no meio da bagagem.

2.2 - IMPACIÊNCIA: Saul não quis esperar por Saul para oferecer sacrifícios ao senhor e acabou se precipitando e oferecendo sacrifícios que foram rejeitados por Deus (1Sm 13.8...);

2.3 - NEGAÇÃO: Mesmo diante da rejeição, Saul permaneceu agindo com se estivesse tudo bem, como se nada tivesse acontecido;

2.4 - IMPULSIVIDADE: Saul fez um voto precipitado que quase lhe custou a vida do seu filho Jônatas (1Sm 14.24...);

2.5 - ENGANO: Saul ofereceu a sua filha Mical a Davi, esperando que Davi morresse na batalha para ganhar a mão de Mical em casamento.

2.6 - CIÚME: Saul ficou enfurecido quando o povo o comparava com Davi.

2.7 - IRA: Durante muitos anos, Saul tentou matar Davi várias vezes.

Saul perdeu o trono para Davi porque não soube lidar com as suas limitações e deixando que o orgulho e a soberba o afastasse da presença de Deus.

3- AS LIMITAÇÕES DE DAVI
Davi também tinha limitações em sua vida, tanto internas quanto externas, mas elas não o fizeram parar na sua caminhada como líder ungido por Deus.

3.1- SUA FAMÍLIA – As limitações de Davi começaram em casa. Quando Samuel pediu que Jessé juntasse todos os seus filhos para que Deus revelasse quem seria o próximo rei de Israel, ninguém se lembrou de Davi que estava no campo cuidando das ovelhas de seu pai.

Quando Davi visitou à frente de batalha, os seus irmãos zombaram dele.

Quando Davi reagiu diante das afrontas e blasfêmias do gigante Golias, os seus irmãos o insultaram e lhe disseram que ele voltasse para casa.

3.2- SEU LÍDER – Saul tentou insistentemente sabotar a liderança e eficiência de Davi. Quando Davi se ofereceu para lutar contra o gigante, Saul lhe disse: “Contra o filisteu não poderás ir para lutar com ele” (1Sm 17.33). Como Davi não desistiu, Saul tentou colocar a sua armadura, grande e pesada, sobre Davi para que ele desistisse;

3.3- SEU HISTÓRICO – Davi era de uma família pobre de pastores. Seu pai, Jessé, não tinha posição de destaque na sua tribo. Davi era o mais novo de seus irmãos;

3.4- SUA INEXPERIÊNCIA –Quando Samuel ungiu Davi ele não tinha experiência de liderança, a não ser pastorear ovelhas.
Quando ele decidiu enfrentar o gigante Golias era apenas um adolescente e nunca tinha lutado numa guerra. Davi foi subestimado e desrespeitado.

CONCLUSÃO:
Mas Davi se tornou um grande líder, mesmo com limitações na sua vida ele não se deixou vencer, nem parou diante delas. Davi foi um conquistador porque soube buscar deus em primeiro lugar na sua vida, quebrantando-se e arrependendo-se dos seus erros e pecados.

Todos nós temos dificuldades e limitações em nossa vida; mas ninguém nasce sem elas. As limitações não desaparecem quando você recebe um título, galga uma posição, ou recebe poder. A questão não é se você tem limitações ou não, mas o que você fará diante delas.

Em tudo somos atribulados, mas não angustiados; perplexos, mas não desesperados; perseguidos, mas não desamparados; abatidos, mas não destruídos (2Co 4.8,9).

 

Paz
 


Sede: Elzira Vivacqua, 195 - Jardim Camburi - Cep 29090-350 - Vitória - ES - Brasil
Rádio Profetizando Vida © - www.profetizandovida.com

Desenvolvido e Hospedado por Poly Design - www.polyinformatica.com