Um Remédio Amargo, Mas Eficiente

Pr. Ricardo Raymundo

 

Leitura: Salmo 51

“Sei que desejas a verdade no íntimo; e no coração me ensinas a sabedoria. “ (v. 6)

 

Aos  estudarmos a respeito dos grandes pecados que Davi cometeu e aos quais ele se refere na oração de confissão do Salmo 51há algo muito importante a ser considerado é o fato de Davi ter feito esta confissão depois que Natã conversou com ele. O primeiro Livro de Samuel nos dá detalhes deste encontro.

Natã conta a história do homem rico que matou a única cordeirinha dum homem pobre e depois é duro com Davi, dizendo-lhe: “Você é esse assassino!” Em João 16.8 Jesus afirma que uma das atribuições do Espírito Santo é convencer o ser humano do seu pecado, manifestando-se por meio da Palavra de Deus. Através de Natã, Deus nos revela o conteúdo da sua Palavra que leva o pecador ao arrependimento e à confissão dos seus pecados. Não há espaço para bajulação ou temor, ainda que o ouvinte seja um rei.

Todos nós sabemos que a verdade dói.

Por isso o apóstolo Paulo afirma que a Palavra de Deus tem a tarefa de repreender, corrigir e exortar-nos! Ele adverte que muitos se recusarão a dar ouvidos à verdade, preferindo mensagens bajuladoras que provocam coceira nos ouvidos (2 Tm 4.2-4). Assim a falta de repreensão é uma das razões da ausência de confissão de pecados nas orações de hoje. Se Natã, em vez de dizer a verdade, tivesse trazido uma palavra de bajulação,

Davi não teria chegado ao arrependimento e à confissão. A parábola que o profeta contou serviu de espelho para o rei.

Ao mirá-lo, reconheceu seu pecado, arrependeu-se e o confessou, alcançando desta forma a misericórdia e o perdão do Senhor.

Oração: Ó Deus, sei que sou pecador. Apaga todas as minhas iniquidades. Amém.

Paz


Sede: Elzira Vivacqua, 195 - Jardim Camburi - Cep 29090-350 - Vitória - ES - Brasil
Rádio Profetizando Vida © - www.profetizandovida.com

Desenvolvido e Hospedado por Poly Design - www.polyinformatica.com