Auto-Suficiência Versus Dependência

Pr. Ricardo Raymundo

Leitura: Mateus 19.23-24

 

“Digo-lhes a verdade: Dificilmente um rico entrará no Reino dos céus. E lhes digo ainda: É mais fácil passar um camelo pelo fundo de uma agulha do que um rico entrar no Reino de Deus.” (v. 23s)

“Há três interpretações do versículo 24. A primeira, o camelo e o fundo da agulha podem ser considerados literalmente. Segunda, a palavra camelo significaria “corda” e o fundo da agulha considerar-se-ia ainda literalmente. Terceira, a palavra camelo seria considerada literalmente, mas o fundo da agulha referir-se-ia a uma pequena porta de acesso a Jerusalém, pela qual um camelo somente depois de descarregado podia passar e, mesmo assim, ajoelhado e empurrado” (Basil F. C. Atkinson).

Em todos os casos, é muito difícil ao auto-suficiente se despojar e se tornar dependente. É necessário que diminua: “É necessário que ele cresça e que eu diminua” (Jo 3.30). Ou, que seja descarregado: faz-me lembrar das “preocupações desta vida e o engano das riquezas” que são os espinhos que sufocam a colheita (Mt 13.22), dos quais precisamos nos desfazer. Em seguida, tornar-nos dependentes como crianças, (“o Reino dos céus pertence aos que são semelhantes a elas” diz Jesus imediatamente antes de encontrar o jovem rico), ajoelhados humildemente e empurrados. Quem nos “empurra”? O próprio Deus, com a força do seu poder. Por isso, Jesus respondeu: “Para o homem é impossível, mas para Deus todas as coisas são possíveis” (v. 26). Só o poder de Deus, agindo em nossa vida, pode fazer o impossível, tal como o de me inserir no Reino de Deus todos os dias.

 

Oração: Eu me descarrego de minhas preocupações desta vida, ajoelho-me e espero em ti, Senhor, que torna milagrosamente possíveis todas as coisas.

Paz


Sede: Elzira Vivacqua, 195 - Jardim Camburi - Cep 29090-350 - Vitória - ES - Brasil
Rádio Profetizando Vida © - www.profetizandovida.com

Desenvolvido e Hospedado por Poly Design - www.polyinformatica.com